Tocar a si mesma e ao outro : aprenda a liberar mais prazer

Com a Gall você conferi dicas de como aprender a se tocar e a sentir e ao parceiro(a)! Confira essa dica que pesquisamos para que você possa desenvolver melhor sua sexualidade!

O toque já é por si só algo bem reconfortante! Por isso a Gall Sex Shop e Moda Íntima deseja que você aprenda a tocar a si mesma e ao outro para liberar mais prazer. As técnicas foram sugeridas pela jornalista referência em sexualidade e relação de casais, Alicia Galloti. Elas estão descritas no livro de sua autoria chamado “Kama Sutra para a mulher”, da Editora Planeta.

Tocar-se ou tocar o outro serve como uma escola do prazer para ambos.  O toque pode trazer sensações extra corporais, como a de sentir prazer também com a realização do outro. Tudo isso sem a necessidade da penetração. A ideia é conhecer um ao outro sem a obrigação de obter um orgasmo. Porém, o toque é um caminho para que isso aconteça de forma mais plena.

A principal dica, segundo a especialista, é se permitir e não colocar zonas demarcadas ou proibidas. Isso porque a pele longe dos genitais também pode ser altamente excitável e  fonte de muito prazer. Por isso as preliminares são tão importantes quanto o sexo em si. O toque entre o casal é onde tudo começa, inclusive a excitação. Então aprenda como tocar a si mesma e ao outro para liberar mais prazer!

O papel ativo e o passivo

Desprender-se do mesmo papel que é exercido em seus encontros é uma das dicas para tocar um ao outro para liberar mais prazer. Alicia diz que a sensação de ser tocado é tão prazerosa quanto a de tocar. Dessa forma, é importante não se privar de nenhuma delas.

Um exemplo do papel ativo e passivo pode ser visto em modalidades diferentes de um abraço. Veja quais são:

  1. Entrelaçar os braços ao redor do pescoço
  2. Entrelaçar os braços em volta da cintura da pessoa
  3. Agarrar a pessoa pelos quadris quando os dois estão de pé

Essas são atitudes típicas masculinas que quando a mulher as prática, está desempenhando um papel ativo e comunicando que deseja senti–lo perto dela. Isso não impede que ela não se sinta protegida quando é abraçada fortemente pelo parceiro ou parceira. Nesse caso, ela está desempenhando um papel passivo, o que é bem estimulante também!

No entanto, apesar de atribuirmos o papel ativo ao polo masculino da relação, ele tem mais a ver com o perfil psicológico da pessoa. Desse modo, a jornalista afirma que o importante é deixar–se levar pela espontaneidade, sem nenhum tipo de pudor.

Cabe aqui ressaltar o tabu que o homem enfrenta ao deixar ser tocado no ânus. Peça que o seu parceiro se liberte disso para aproveitar melhor o momento!

Tocar a si mesma

Desvendando o Prazer: Aprenda a Liberação do Prazer ao Tocar a Si Mesma e ao Outro
Desvendando o Prazer: Aprenda a Liberação do Prazer ao Tocar a Si Mesma e ao Outro

É comum no tempo de escola os meninos conversarem sobre masturbação de forma natural. Porém, não é possível observar o mesmo comportamento nas meninas. Dessa forma, por mais liberal que seja a mulher, muitas se sentem travadas com essa situação. O processo é ainda mais difícil na presença do amante. Para as lésbicas, a masturbação é algo mais natural.

Essa atitude de acariciar o próprio corpo é o primeiro passo para liberar mais prazer consigo mesma e até com o outro. Isso porque esse ato é super importante para o autoconhecimento corporal.

Até para quem já é acostumada a se masturbar, comece com toques suaves e lentos para experimentar novas sensações. Explorar novas partes do corpo que não são valorizadas também é importante. Os braços e as pernas podem ser contemplados também! A especialista garante que a pele responderá aos estímulos. Confira algumas sugestões para o momento de tocar a si mesma:

  1. Varie o ritmo e a intensidade do toque
  2. Use a mão estendida também
  3. Use as pontas dos dedos para percorrer o corpo
  4. Dê pequenas batidinhas no corpo
  5. Use a mão esquerda
  6. Use o dorso da mão
  7. Use as unhas também para percorrer o seu corpo
  8. Use acessórios de diversas texturas como veludos, sedas e plumas

A Gall Sex Shop recomenda também alguns sex toys para turbinar esse momento. Oferecemos uma enorme variedade de produtos para você se divertir sozinha!

Despertando as sensações do toque

Para despertar as sensações do toque, de forma mais elevada e sem pudores, é necessário que você se sinta segura com o próprio corpo. Preocupar-se com a perfeição estética limita o seu prazer! A especialista afirma que a sexualidade é composta por um conjunto de fatores. Geralmente o parceiro não dá muita importância ao aspecto estético quando há outras habilidades e sensações envolvidas.

Dessa forma, vocês podem ir aprimorando as técnicas do toque e deixar fluir livremente as sensações prazerosas. A imaginação é uma grande aliada nesse momento! O despertar das sensações é um dos caminhos para o prazer. A autora fornece um guia, que pode servir como um caminho para o casal obter mais prazer. Confira algumas das dicas mais diferentes para você ousar na cama:

  1. Tocar as costas
  2. Roçar o pescoço
  3. Mudar de trajetória de repente
  4. Sussurrar
  5. Puxar o homem para perto de si
  6. Beijar suave e carinhosamente
  7. Mordiscar e puxar a boca
  8. Encostar o joelho na virilha ou entre as coxas dela ou dele
  9. Encostar os mamilos de um dos dois nas costas ou na região íntima
  10. Envolver a mão, sem acariciar, na região íntima, formando um envoltório

Carícias de frente e de costas

Muitas partes femininas são esquecidas pelo toque por causa da sua localização. É o caso das costas que fornecem muitas sensações prazerosas ao toque. Deite-se de bruços e peça carícias ao seu parceiro ou parceira ao longo da sua coluna vertebral. Confira algumas dicas para ambos se darem bem:

  1. Percorra o local apenas com a palma das mãos
  2. Depois, toque delicadamente com as articulações dos dedos
  3. Intercale com pequenas batidinhas
  4. Avance para beijos e lambidas começando pelas omoplatas até chegar na cintura
  5. Apalpe as nádegas e percorra o seu contorno com os dedos
  6. Passe o toque para as pernas, passando levemente a ponta dos dedos no interior das coxas
  7. Alcance as panturrilhas e acaricie ali também
  8. Chegue até os pés e beije os dedinhos, um por um

Nesse momento, você pode se sentar de costas para que ele ou ela possa acariciar os seus seios abraçadinho em você. Peça um processo mais lento também para curtir o momento. Seu parceiro ou parceira deve brincar com os mamilos, fazendo movimentos circulares e envolventes. Sustentar os seios com a palma das mãos também é uma ótima pedida.

Depois de ser longamente acariciada, participe se tocando também e depois retribuindo as carícias.

Aproveite esse momento para curtir com alguns cosméticos sensuais como óleos de massagem, gel vibrador e excitante, entre outros produtos disponíveis na loja on-line da Gall Sex Shop.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Saiba mais

Política de Privacidade