Sexo com comida pode ou não pode?

Chantilly, leite condensado, calda de chocolate, morango, balas e até comida japonesa! Afinal, sexo com comida pode ou não pode? A Gall Moda Íntima e Sex Shop vai responder essa questão com todos os detalhes para você!

Essa dúvida é muito comum, pois aliar dois prazeres ao mesmo tempo é algo bastante tentador. Ainda mais no sexo oral, em que essa atitude de usar comidinhas gostosas pode levar os amantes à loucura! Porém, nem tudo é permitido nessa hora.

Primeiro é preciso se certificar de que essa atitude seja consensual. Não é todo mundo que gosta de se sentir lambuzado na cama ou de ter o seu local de descanso sujo por alimentos.

Além disso, é preciso levar em conta a nossa saúde nesse momento, pois algumas áreas podem ser afetadas negativamente com essas comidas.

Portanto, peça permissão da outra pessoa antes e fique de olho em quais alimentos usar e em quais áreas eles são proibidos no corpo.

Isso porque um dos fatores determinantes para que essa prática dê certo é saber se a pessoa não tem alergias a certos alimentos como chocolates e frutos do mar.

Além disso, nenhum tipo de comida é recomendado para introdução na vagina, pois podem prejudicar a flora vaginal, que é muito sensível.

Outra preocupação com os alimentos é que eles não devem estar muito quentes para não queimar a pele. Já as substâncias frias no pênis podem fazer o cara broxar. 

Então, se você quer aproveitar esse duplo prazer, saiba mais agora com a Gall Sex Shop!  

Sexo com comida fora das áreas genitais

O prazer de associar comida com sexo pode ser classificado como um fetiche! A pessoa que sente fetiche por comer é chamado de “fedee”. Há também o fetiche por ver alguém comendo, nesse caso a pessoa é “feeder”.

Esse fetiche pode ser realizado tranquilamente fora das áreas genitais, onde todo tipo de comida é permitido! No entanto, é necessário prestar atenção na temperatura para que ela não queime a pele. Assim como os alimentos frios também podem causar desconforto em ambos.

Porém, há técnicas sexuais de resfriamento com alimentos que são utilizadas e proporcionam muito prazer para algumas pessoas. É o caso do gelo que pode ser conduzido com a mão ou com a boca para percorrer todo o corpo delicadamente.

Além disso, tem a famosa “técnica ninja do Halls preto” em que a balinha pode ser usada não só no beijo de língua, mas também em outras partes do corpo. Uma das estratégias é assoprar o local em que a bala passou, causando uma sensação gostosa de resfriamento.

Para explorar o corpo fora das áreas genitais, o céu é o limite! Dá para fazer um belo banquete no corpo inteiro. Dessa forma, chantilly, mel, caldas de chocolate, morango massageando as zonas erógenas, tudo é permitido!

Sexo com comida no pênis

A prática do sexo com comida no pênis é tão comum que se tornou tema de um dos mais populares filmes de besteirol, o famoso “American Pie”. O longa leva o mesmo nome que uma música que fala sobre adolescentes. Além disso, o personagem principal é pego se masturbando justamente com uma torta de maçã (pie em inglês significa torta).

O protagonista tomou essa atitude porque existe uma metáfora nos Estados Unidos que diz que “chegar na terceira base do namoro é como tocar em uma torta de maçã quente”. Dessa forma, eles relacionam comida com sexo. 

Porém, nem tudo é permitido no pênis! É bom evitar alimentos com pimenta para não causar danos nessa região tão sensível. Além disso, os alimentos gelados podem fazer com que o pênis perca a ereção.

Isso porque temperaturas frias são responsáveis por contrair o membro. Esse processo acontece porque há a vasoconstrição, que é a diminuição dos vasos sanguíneos. No pênis eles são diretamente responsáveis por levar o sangue para aumentar o volume do órgão e causar a ereção.

Por isso, nesses casos, o mais indicado são comidas mais quentinhas, mas que também não queimem o local.

Sexo com comida na vagina ou no ânus

Explorando Novas Fronteiras: Sexo com Comida - É Aceitável ou Não?
Explorando Novas Fronteiras: Sexo com Comida – É Aceitável ou Não?

Em hipótese alguma os alimentos devem ser introduzidos na vagina ou no ânus! Por isso objetos fálicos como pepino e cenoura são proibidos, eles podem machucar a região. Além disso, eles possuem bactérias que podem ser prejudiciais nesses lugares.

Isso vale para outros alimentos como mel, chocolates, entre outros. Existe o perigo de infecções urinárias, fúngicas e bacterianas por conta disso. Elas podem ser contraídas se o alimento tiver contato com a uretra ou o canal vaginal.

Isso porque a vagina tem o seu pH próprio, que é ácido. Se algum alimento mudar esse ambiente, e ela não conseguir se regular, haverá riscos de contrair uma dessas doenças.

O quadro piora se houver interação do ânus com a vagina. O risco de contaminação nesses casos é ainda maior.

Produtos comestíveis e beijáveis para o sexo

Há produtos comestíveis especialmente desenvolvidos para o sexo! Confira alguns deles:

  1. Caneta comestível 

Esse produto é muito interessante porque você pode escrever pelo corpo da pessoa com a substância comestível que é a “tinta” da caneta. Depois você pode lamber esses lugares. 

  1. Géis comestíveis 

Os géis comestíveis podem ser encontrados em diversos sabores como chocolate, morango, leite condensado, entre outros que podem facilitar a sua vida no sexo

  1. Lingerie comestível 

Existem ainda lingeries comestíveis como tapa sexo, calcinha, conjunto e até fantasia comestível. 

  1. Vela de massagem beijável

Na linha dos beijáveis, que podem ser ingeridos em pequenas quantidades, tem uma opção super interessante de vela de massagem. Ela tem a função normal de vela, só que ao derreter ela vira um óleo de massagem com a temperatura certa para não queimar a pele.

Legal, né? Já conhecia esses produtos? Deixe um comentário pra gente! Aproveite e conheça outros cosméticos sensuais, além de vários sex toys também! Tudo especialmente desenvolvido para aumentar o seu prazer.

Por isso nada de pepino, cenoura ou banana que colocam em risco a sua saúde! Conheça nossa loja on-line Gall Moda Íntima e Sex Shop e divirta-se!

você pode gostar também
1 comentário
  1. Juca Diz

    Comidas japonesas kkkk qual a graça de um sushi quando a pessoa curte mesmo é ser bem lambuzada no sploshing?

    Quanto mais coisas e maior a quantidade melhor.

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Saiba mais

Política de Privacidade