Meditação Orgástica: O Que É E Como Fazer?

A meditação tradicional consiste em focar a mente para o equilíbrio mental, mas e a meditação orgástica: o que é e como fazer? A Gall Moda Íntima e Sex Shop vai trazer essas informações para você.

A meditação orgástica também é conhecida como OM (Orgastic Meditation). Apesar do nome, esse tipo de meditação pode ou não levar ao orgasmo. Isso porque o intuito maior é conhecer o próprio corpo a ponto de estimulá-lo de maneira mais profunda, tanto mental quanto fisicamente, para ativar a sexualidade.

O ideal é que você sinta de forma mais intensa essa energia vital ligada ao sexo. Por isso muitas pessoas afirmam que tiveram muitos orgasmos, um atrás do outro, com a meditação orgástica. No entanto, há quem não sinta orgasmos, mas se conecta com a sua energia de tal forma a ponto de se emocionar.

Essa prática é mais comum entre as mulheres, mas há lugares que fazem essa terapia orgástica também em homens. Tanto a mulher quanto o homem precisam ficar nus para essa atividade.

Alguns lugares fazem o (a) praticante assinarem um termo em que a pessoa está consciente de que essa meditação ou terapia envolve toques sexuais de outras pessoas no processo. Haverá um (a) terapeuta que vai guiar isso tudo.

No entanto, os médicos proíbem o uso do nome “terapia” para essa modalidade. Isso porque apesar de trazer muitos benefícios para o organismo, ela não é considerada ainda uma disciplina médica ou um campo de conhecimento científico.

Como funciona a meditação orgástica?

Toda meditação consiste em exercitar o foco e a concentração para nos tirar do modo de alerta constante criado pelo dia a dia estressante. Esse estresse libera um hormônio chamado cortisol que nos impede de relaxar.

A função da meditação é colocar isso em ordem no nosso organismo e relaxar. Esse relaxamento aliado com outras técnicas pode proporcionar orgasmos mais intensos ou maior conexão com a nossa sexualidade. 

No caso das mulheres, ela entra em um transe, com exercícios de relaxamento e respiração, deitada em um tapete de ioga.

Ela então é apresentada a um parceiro ou parceira e nua, ou despida da cintura para baixo, o seu clitóris é estimulado por outra pessoa durante 15 minutos. Ela também recebe carícias na entrada vaginal. A pessoa que vai estimular essa mulher precisa estar com uma luva lubrificada para essa atividade. Essa prática pode ou não resultar em um orgasmo.

Dessa maneira, ela vai aproveitando o momento, por meio de palavras, respiração e toque, sem a pressão de gozar. 

Por isso o objetivo maior é que essa mulher se conecte de forma mais livre com o seu corpo. Dessa forma ela fica mais sensível para atingir o orgasmo, sem estar necessariamente em uma prática sexual.

Benefícios da meditação orgástica

Conexão Profunda: Meditação Orgástica - Entenda o Que É e Como Praticar
Conexão Profunda: Meditação Orgástica – Entenda o Que É e Como Praticar

A meditação por si só já traz diversos benefícios comprovados cientificamente. Um dos maiores é o equilíbrio mental e emocional. Elisa Kozasa, neurocientista especialista em meditação, afirma que um dos efeitos dessa prática é o aumento do foco e concentração.  Além disso, essa atividade é responsável também por um estado de relaxamento.

Com a mente calma, sem estresse e focada, é mais fácil se concentrar em qualquer tarefa, inclusive no orgasmo e nos processos do corpo em que esse clímax está envolvido.

Além disso, uma pesquisa realizada pela Universidade de Montreal comprovou que 18% das pessoas que praticavam meditação tiveram uma redução de dores corporais. Dessa forma, a dispareunia pode ser tratada com essa prática, visto que esse transtorno consiste em ter dor durante a relação sexual.

Na maioria das vezes esse quadro é desencadeado por problemas psicológicos dessa mulher. Por isso, uma meditação orgástica, que alivia o estresse e estimula a sexualidade, pode ajudar muito. No entanto, é preciso antes descartar todas as causas físicas desse problema.

Confira então os principais benefícios da meditação orgástica:

  • Atenção plena em si
  • Toque
  • Prazer
  • Reflexão
  • Redução da ansiedade e depressão
  • Aumento da auto-estima
  • Bem-estar
  • Relaxamento

Como surgiu a meditação orgástica?

A meditação clássica surgiu há milhares de anos com as tradições orientais. Há registros que informam que ela surgiu em 1500 a.C na Índia com a cultura Vedanta do hinduísmo. Por volta de 500-600 a.C ela começou a ser difundida pelos taoístas da China. Na mesma época, os budistas começam com essa atividade após o legado de Buda (Siddhartha Gautama).

A meditação orgástica surgiu nos Estados Unidos com a especialista em meditação Nicole Daedone. Ela estudou ioga, Cabala e meditação budista.

Em 2004 ela fundou a empresa OneTaste, com foco no bem-estar sexual. Porém, essa empresa está sendo processada por tráfico sexual e violações de leis trabalhistas.

Isso porque há acusações de que os funcionários eram obrigados a manter relações sexuais com os clientes. Dessa maneira, em 2015, um ex-funcionário recebeu um acordo milionário por agressão sexual e assédio.

Meditação orgástica é o mesmo que sexo tântrico?

O sexo tântrico está mais consolidado no mundo e é praticado há milênios. Além disso, ele é mais do que uma meditação, é uma filosofia. Importante ressaltar que ele não tem a ver com religião.

O tantrismo consiste em trabalhar as energias sexuais como uma expansão da consciência. Ele também usa meditações, só que ele abrange outras técnicas de lidar consigo mesmo e com o parceiro.

Essa prática tem o objetivo de guiar nossos desejos sexuais a propósitos mais elevados. Por isso ela exige conhecimento dos ensinamentos tântricos para uma elevação da consciência.

A meditação orgástica é um tipo de atividade que combina relaxamento mental para a atenção plena no toque e no prazer. Portanto, o sexo tântrico e a meditação orgástica são parecidos, mas não são considerados iguais. 

E se você quer aumentar o seu prazer, há vários modelos de sex toys que também podem estimular o seu clitóris como bullets, sugadores clitorianos, varinha mágica, estimulador de clitóris, vibradores, eletrochoque, entre outros.

Além disso, oferecemos diversos tipos de vibradores, acessórios, fantasias, lingerie, cosméticos sensuais, energéticos como Tesão de Vaca ou Melzinho do Amor, maquiagem, entre outros. Confira os produtos da nossa loja on-line da Gall Sex Shop e Moda Íntima. 

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Saiba mais

Política de Privacidade