7 razões mais comuns pelas quais as mulheres fingem gozar

As 7 razões mais comuns pelas quais as mulheres fingem orgasmo

Descubra com a Gall Sex Shop as 7 razões mais comuns pelas quais as mulheres fingem orgasmo e desvende esse mistério de uma vez por todas! Essa descoberta pode melhorar o seu desempenho sexual e te ajudar a se conectar com a sua parceira.  

A iniciativa de descobrir isso é muito necessária, visto que fingir orgasmo é algo comum! Segundo uma pesquisa realizada em 2019 pela Sexual Behavior, 60% das mulheres heterossexuais em idade sexualmente ativa já fingiram orgasmo. Apesar de comum, essa prática não deve ser normalizada. 

Então, vamos conhecer um pouco da mente feminina e as 7 razões mais comuns pelas quais as mulheres fingem orgasmo

 

1- Quer agradar o parceiro ou a parceira

Esse é o motivo mais citado entre as mulheres. Elas têm medo de atingir o ego masculino ou de outra mulher e acabam sacrificando o seu prazer por isso. Infelizmente, agindo dessa forma, ela acha que está apoiando ele ou ela. O mais importante para ela é não ferir o sentimento do outro.  

Às vezes ela pode também querer dar um “prêmio” para essa pessoa, que seria o orgasmo. 

Dessa forma, ela acha que está agradando o parceiro ou parceira, quando na verdade está camuflando o problema. 

 

2- Ela está cansada

O dia a dia agitado pode ser um vilão para alcançar noites prazerosas! E novamente para agradar o parceiro ou parceira ela se submete ao ato sexual.

Porém, pode acontecer dela estar com vontade também, mas o cansaço faz com que ela queira terminar a prática antes e finge o orgasmo para que possa finalmente descansar tranquila: sem dizer não e com a missão cumprida.

3- Falta química entre o casal

Não há como negar que a conexão entre o casal pode apimentar muito a relação. Se falta química, a tendência é fingir orgasmo para sair da situação. Isso porque ela não está curtindo o momento, falta algo e ela não quer continuar para descobrir o que é. É mais fácil fingir orgasmo do que admitir que não está rolando um clima

4- Não estava tão a fim de sexo

A falta de diálogo pode ser determinante para que a mulher finja orgasmo constantemente. 

Isso porque algumas mulheres acham que fingir orgasmo é mais fácil do que dizer “não” ao parceiro ou parceira quando ele ou ela tem o desejo. 

5- Porque foi bom 

Tem dias que é mais difícil atingir o clímax e tá tudo bem! Nem por isso o momento deixou de ser prazeroso. Dessa forma, ela pode ter tido algumas sensações próximas ao orgasmo e quis demonstrar da mesma maneira! 

6- Ela se sentiu insegura

Isso pode acontecer em um primeiro encontro, em que é mais difícil de se abrir com a pessoa ou alinhar as práticas sexuais e posições. 

No entanto, há mulheres que possuem parceiros de anos a fio e que ainda sim não se sentem seguras em desabafar. 

Procure se interessar pela sua mulher, não só no sexo. Pergunte como ela se sentiu no ato sexual e peça para que ela diga a verdade. Explique que você quer saber onde pode melhorar! 

7- Por ter dificuldade de gozar

Assim como os homens têm algumas disfunções, como problemas de ereção ou ejaculação precoce, as mulheres também podem ter dificuldade de atingir o orgasmo

 

Bônus: Outros motivos 

Além dessas 7 razões mais comuns pelas quais as mulheres fingem orgasmo, há outros fatores que também podem desencadear esse problema, entre eles:

  • Educação rígida 
  • Estimulação inadequada das zonas erógenas
  • Não saber como funciona o clitóris
  • Conflitos conjugais
  • Falta de atração pelo parceiro (diferente da falta de química, que pode ser momentânea) 
  • História de violência sexual
  • Ansiedade, depressão e outros transtornos mentais
  • Doenças físicas (diabetes, coronariopatias, distúrbios hormonais, dislipidemias, entre outras)
  • Uso de medicamentos que inibem a libido
  • Fase do ciclo menstrual 
  • Tédio
  • Não sabe o que é um orgasmo 
  • Para tentar se excitar e ter realmente um orgasmo
  • Para excitar o parceiro ou parceira
  • Medo de cansar o parceiro
  • Encobrir o medo de não ter um orgasmo
  • Ato sexual sem novidades

 

Por que não fingir?

 

A sexóloga Tatiana Presser, autora do livro “Vem Transar Comigo”, alerta que fingir: “Atrapalha a relação entre os dois e faz com que o cara nem saiba que ‘não está fazendo direito’.

Se a mulher finge, o homem vai seguir repetindo aquilo com todas e com ela, não vai mudar e não vai acertar nunca. Alguém tem que dizer que está errado”.

Por isso fingir pode criar a sensação de que o parceiro ou parceira está arrasando quando na verdade o orgasmo não chega nem perto. 

Dessa forma, fingir não traz nenhum benefício para a mulher e ainda prejudica a vida do casal, pois há uma mentira entre eles e a pessoa com quem ela se relaciona acha que está tudo bem. 

Além disso, esse costume deixa a vida sexual da mulher negligenciada. Isso priva ela de um relaxamento e sensação de bem-estar proporcionados pelo orgasmo

Outro fator perigoso é o fato de que sem orgasmos ou prazer que seja, a mulher pode perder aos poucos o interesse pelo parceiro ou parceira e pelo sexo. 

O subconsciente pode também pregar peças e ela pode nunca chegar ao orgasmo e achar que é incapaz ou que a culpa é sempre do outro. 

O que pode ser ainda mais ruim do que não ter um orgasmo é estar camuflando uma disfunção sexual, às vezes grave, e que não está sendo tratada. 

 

Dicas para chegar lá 

Não ter orgasmos de vez em quando é natural, porém é preocupante que isso aconteça sempre! 

Uma das dicas para chegar lá é a comunicação. Ela é essencial na busca de prazer feminino e masculino. Imagine que o parceiro ou parceira está fazendo sempre as mesmas coisas e ninguém se toca que isso pode ser a causa da falta de orgasmos femininos? 

Falar sobre o assunto é o primeiro passo para chegar ao orgasmo. Ela deve experimentar  guiar a pessoa por onde você mais sente prazer. Para isso há outro importante passo que é a masturbação.

A mulher precisa se conhecer para que possa guiar outra pessoa nessa missão de atingir o clímax! 

Outro fator que pode minar o orgasmo é fazer sexo por obrigação. O casal tem que estar no clima e a mulher tem que se sentir excitada também.

Para isso capriche nas preliminares e não foque apenas no orgasmo! A mulher precisa ser muito estimulada para chegar lá. Não se apresse!

Invista no clitóris! Três a cada quatro mulheres precisam do estímulo desse órgão para chegar ao orgasmo. Ele fica acima do canal vaginal e da uretra.  

Invista no seu relacionamento fora da cama também. A mulher é muito focada no carinho e em elogios sinceros e positivos. Isso pode ajudar bastante.   

 

Como saber se ela chegou lá?

 

Muitos sintomas podem ser disfarçados pelo fingimento da mulher, no entanto há três principais fatores que podem revelar se ela teve realmente um orgasmo que são:

  • Vermelhidão nas bochechas e colo.
  • Contrações rápidas no canal vaginal que são difíceis de replicar. 
  • Batimentos cardíacos acelerados

 

Desperte uma nova compreensão da intimidade e descubra um universo de conhecimento compartilhado. Para mais conteúdo envolvente sobre sex shop, sexualidade e bem-estar, visite nosso site!”

Os brinquedos e cosméticos eróticos podem ajudar e muito a mulher ter relações mais prazerosas e atingir o orgasmo. Procure no site da Gall Sex Shop o que mais te agrada e aproveite melhor esse momento. 

 

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Saiba mais

Política de Privacidade